Contando Histórias

Henry Ford - A Revolução da Linha de Montagem

No dia 30 de Julho de 1863, nasce Henry Ford, próximo de Dearborn , Michigan, na cidade de Springwells, 10 milhas a Sudoeste de Detroit, seu pai nasceu na cidade próxima de Cork, Irlanda, indo para a América no ano de 1847, sua mãe Mary Litigot filha de holandeses nasceu no Estados Unidos, e morreu quando Henry Ford tinha doze anos, onde passava a maior parte de seu tempo desenvolvendo suas idéias em uma oficina montada por ele mesmo onde construiu o seu primeiro motor a vapor, onde pegou esta experiência consertando as máquinas da fazenda de seu pai e de seus vizinhos, alem de concertar relógios pela redondeza onde morava, em 1879, mudou- se para Detroit onde foi trabalhar nas lojas da Michigan Car Company como aprendiz de mecânico nas Oficinas de James Flower and Brothers Machine trabalhando dez horas por dia e depois passou a trabalhar na fábrica de Detroit Dry Dock . Se formou em relojoaria desenvolvendo vários projetos para a fabricação de relógios mais baratos em larga escala, assim que completou a sua aprendizagem transferiu-se para Westinghouse Engine, no Sul de Michigan sendo ali onde conheceu o primeiro motor de combustão interna de Otto onde permaneceu até o ano de 1885, onde fez toda a reparação daquele pequeno motor e aproveitou para estuda-lo, em 1886 seu pai ofereceu 80 acres de terra, de mata totalmente fechada e uma pequena casa, Ford aceitou e dali fez uma serraria, vendeu tábuas e reparou alguns motores de vizinhos, neste ano tornou-se noivo de Clara J. Bryant, filha de um fazendeiro vizinho com que acabou se casando, em 1888, ano em que mudou-se para Detroit conseguindo um emprego na Edison Illuminating Company se tornando engenheiro chefe em menos de dois anos, em 1892 Ford estava impressionado com o veículo de Charles Duryea e entre artigos de revistas de motores americanas e britânicas Henry Ford direcionou seus objetivos na. Construção de seu próprio modelo que construiu no galpão dos fundos de sua casa, trabalhando por sete anos usufruindo sua associação com Charles B. King um amigo e engenheiro renomado, sendo que em 1893, nasce seu único filho, Edsel, neste mesmo ano da inicio a carreira de Ford como construtor de automóveis, quando desenvolveu seus projetos o tornando realidade de um motor pequeno de um cilindro. Em 1896, Ford fabricou seu quadricíclo, o primeiro automóvel Ford da História, totalmente montado em um chassi com quatro rodas de bicicleta e com um motor a gasolina de 2,5 polegadas de diâmetro e curso de 6 polegadas sendo dispostos lado a lado em torno do eixo traseiro onde desenvolvia 4 HP dos quais eram transmitidos do motor para o eixo por uma correia e do eixo para a roda traseira por uma corrente. Sendo que só depois de andar com esse veículo por 1.000 milhas é Ford o vendeu por U$ 200 dólares para a construção de um outro veículo que fosse mais forte e leve, com isso Henry Ford fundou a Detroit Automobile Company empresa esta que faliu um ano e meio depois, em 1900 Henry Ford sofreu diversas opiniões diferentes em várias reuniões, com seus diretores que estavam indispostos a adotar a produção de seu veículo em massa de um modelo padrão. Em 1901, montou um outro grupo de investidores onde organizou uma outra companhia desenvolvendo modelos de veículos de corrida com a grande colaboração do projetista Harold Wills e alguns ajudantes construíram o modelo 999 onde o piloto Barney Oldfield disputou várias corridas batendo vários recordes derrotando até Alexander Winton em uma inesquecível corrida em Michigan, veio assim muitas vitórias, e muita publicidade permitindo um grande suporte financeiro , assim em 16 de Junho de 1903, Henry Ford aliado a um empresário de carvão Alexander Y. Malcolmsom, e C.H. Wills e James Couzens ( anos depois senador por Michigan ) em conjunto com mais 8 investidores assinaram o início da Ford Motor Company com um capital inicial de U$ 28.000,00 . John S. Gay , um rico banqueiro e um sócio- investidor assume a presidência da companhia com a produção do primeiro Ford Modelo A, sendo o primeiro Ford três meses depois de sua fabricação, mais a partir daí os pedidos e a produção aumentaram rapidamente, sendo que em seu primeiro ano a companhia enfatizou veículos de dois cilindros e 8 HP , com “ chain drive “ tendo 1708 unidades fabricados vendidos a U$ 850 dólares cada, representando um lucro de mais de 100% no investimento inicial sendo a primeira fabrica de produção de automóveis do mundo, onde com esse dinheiro foi possível melhorar os modelos, aumentar a produção, e a melhor publicidade era a venda dos carros onde mais de 5000 unidades foram vendidos entre 1904 e 1905, veio também a abertura do primeiro distribuidor Ford em São Francisco, e também a Ford inicia a exportação de seus veículos para a Grã – Bretanha, neste mesmo ano Ford, com o seu famoso carro de corridas o 999 , estabeleceu o Record mundial para a milha cobrindo esta distância em 39,4 segundos em uma prova realizada em uma pista gelada do lago Saint Clair, neste ano agitado de 1904 Ford abre a primeira fábrica fora dos Estados Unidos, no Canadá em Ontário, e neste mesmo ano o Modelo A é exportado para a Austrália.

Em 1905, Alexander Y. Malcolmsom e Henry Ford apesar de concordarem com a companhia deveriam concentrar as suas atenções em um único modelo onde divergiram onde Malcolmsom defendia um modelo mais caro com mais acessórios e luxo, mais Ford achava que um modelo mais simples seria melhor para os negócios, essas divergências fez com que em 1906 Henry Ford assume a presidência da fábrica, onde Ford passou a executar as suas idéias, onde desejava construir um carro que atingisse o preço final de U$ 500 dólares ou menos, mais foi uma decepção na venda do novo modelo K que o convenceu que um modelo de preço baixo, representaria um futuro ainda melhor e de 1906 a 1907 , Ford implantou assim a política de produzir um carro padronizado e relativamente barato, e que necessitasse um mínimo de trabalho e de custos de manutenção. Ford criou uma liga de aço- vanádio leve mais muito forte, projetando primeiro o Modelo N, e melhorando ainda mais criou o Modelo T que acabou conhecido por todo o mundo , em 1908 abre a primeira fabrica da Ford fora da América, em Paris, França, e se torna com a produção do Modelo A o maior fabricante de automóveis dos Estados Unidos, ( mais de 15 milhões deste modelo foi fabricado até o ano de 1927 ), em 1909 Ford anunciou que apenas fabricaria apenas o chassi do Modelo T , e o cliente poderia ter o carro da cor que desejasse, neste mesmo ano Henry Ford com seu filho Edsel construíram seu próprio avião com motor do Ford Modelo A. Em 1911, abre a fábrica em Manchester na Inglaterra, de 1912 aa 1914 foram instalados foram instalados os métodos de produção em massa incluindo as linhas de montagem de movimento contínuo como tanto queria Ford, sendo essa nova técnica de produção permitia que o trabalhador permanecer no mesmo lugar e fazer o mesmo serviço repetidas vezes em vários veículos que passavam em sua frente o que foi uma grande inovação e contribuição para a Industria Automobilística, nascendo assim a primeira linha de montagem em série fazendo a ter um aumento significativo na fabricação de veículos Ford onde era possível montar um carro em apenas 93 minutos, em 1913 assina contrato para a venda do Modelo A para a China, Indonésia e Slam. Neste mesmo ano é aberto a 1° Sucursal da Ford na América Latina, na Argentina, estabelecendo a sua 1° Oficina e salão de vendas.

Em Janeiro de 1914, Henry Ford e seu sócio James Couzens aumentaram todos os salários nas suas Industrias a seus funcionários para um mínimo de U$ 5 dólares por oito horas de trabalho onde era de U$ 2, 40 ( dois dólares e quarenta cents ) onde com esse aumento a Industrias Ford teve uma grande economia pois serviu de incentivo até então desconhecido aos funcionários onde acabou com as horas improdutivas. No mesmo ano foi fundada a criação da Aston Martin, marca de carros desportivos de luxo, neste ano com o aumento da produção e das vendas dos carros Ford o preço do Modelo T que era de U$ 950 dólares em 1909, caiu para U$ 295 no ano de 1922, onde em 1925 Ford já tinha as suas próprias minas de ferro e carvão, e fontes de madeira, suas próprias estradas de ferro e uma grande esquadra de barcos a vapor onde a economia em todos os setores era a regra predominante , onde em 1915 já havia Um Milhão de Ford T fabricados, em 1916, quando James Couzens deixou a companhia, Ford comandou absoluto não perdendo tempo e começa a funcionar a fábrica de veículos Ford em Buenos Aires, Argentina, a 1° da América Latina. Em 1917 veio a construção da planta Rouge que permitia a produção completa desde o processamento da matéria prima até a montagem final. Em 1918, candidatou-se ao Senado norte americano, pelo Partido Democrata, sendo derrotado por muito pouco por Truman H. Newberry e desde então nunca mais se envolveu com a política, Em 1919 Henry Ford comprou o Jornal Semanal Dearborn Independent, neste mesmo ano Ford enfrenta críticas e resistência dos acionistas para injetar mais capital na empresa para crescer. Como não conseguiu convencer os acionistas Henry Ford e seu filho compraram a parte dos acionistas e se tornaram únicos proprietários.

Edsel Ford assumiu a presidência da companhia ( cargo que ocupou até morrer em 1943 ) , no ano de 1920, a Ford Motor Company compra a Estrada de Ferro Detroit/ Toledo - Ironton ( DTI ) e a utiliza por oito anos para controlar o transporte e o fornecimento para a fábrica em Dearborn, neste ano de 1920 a produção da Ford passa a representar mais de 65% de automóveis produzidos nos Estados Unidos durante todo o início desta década, e ainda vendia três quartos dos tratores fabricados no país, conseguindo reduzir o preço de seu produto, o Fordson, que era de U$ 750 dólares indo para U$ 395 dólares, neste mesmo ano a Ford Motor Company em uma reunião em Detroit Henry Ford e seus assessores aceitaram destinar 25 mil dólares para um capital inicial de uma fábrica na América Latina, e em 12 de Maio de 1920 o Presidente da República Federativa do Brasil Epitácio Pessoa assinava um decreto autorizando a Ford Motor Company a se estabelecer no Brasil. Nesse importante período a economia no mundo ainda sofria as conseqüências da 1° Grande Guerra Mundial, mesmo assim Henry Ford optou a ter uma filial brasileira, iniciando as suas atividades em um pequeno escritório de 70 m2, na Rua Florêncio de Abreu ( São Paulo) com apenas 12 funcionários montava- se o primeiro Ford Modelo T no Brasil, que tinha 20 cv , tendo uma boa aceitação no mercado brasileiro com o sucesso deste automóvel fabricado nos Estados Unidos desde 1908, vendendo mais de 6.000 mil unidades, sendo este um carro que dava pouca manutenção, muitas novidades para a época ( volante do lado esquerdo, motor com cilindros fundidos em uma só peça, cabeçote removível, redução de engrenagem e três pontos de sustentação do motor reduzindo a trepidação, e muito conforto para passageiros ) isso fez que pela confiabilidade entre os novos clientes brasileiros torna- se a novidade um grande sucesso, onde com o aumento da produção as instalações da Rua Florêncio de Abreu tornaram- se inviáveis, Henry Ford que novamente investiu alguns milhares de dólares e construiu na Rua Sólon, no bairro do Bom Retiro, em São Paulo as suas novas instalações, montando seus automóveis, e meses depois chegando a montar tratores e caminhões. Nos Estados Unidos, em 1922 a Ford Motor Company compra as ações da Enry Ford autor fábrica de automóveis de luxo Lincoln .

Em, 1923, Henry Ford autoriza a compra de algumas centenas de hectares de Florestland, no norte de Michigan, suficiente para fornecer madeira que a Ford Motor Company necessitava para a produção de componentes de automóveis daquela época. Em 1924, as vendas do automóvel Ford nos Estados Unidos chegam a 24.450 unidades, com esse sucesso em vendas as conseqüências ocorreram no Brasil onde teve o aumento da produção, e as pequenas instalações na fábrica na Rua Florêncio de Abreu que montava os automóveis com as peças que vinham dos Estados Unidos não davam conta, Henry Ford com isso investiu alguns milhares de dólares e construiu um novo prédio no bairro do Bom Retiro, na Rua Sólon em São Paulo, onde essa nova sede continuava a montar os automóveis, e em pouco tempo também já abrangia a montagem de tratores e caminhões, em 1925 nos Estados Unidos foi lançado no mercado o Ford T Runabout, onde as principais filiais da Ford era em Ontário no Canadá fundada em 1904, e em Manchester na Inglaterra findada em 1906 onde neste ano as vendas atingiram U$ 100 Milhões de dólares, no ano de 1927 a fabricação dos Modelo T caiu bastante pois os consumidores passavam a exigir alem da economia mais estilo e velocidade, onde as estradas já podiam dar mais segurança a carros mais modernos, assim Ford deu ordens para paralisar em todo mundo a fabricação do Ford Modelo T após mais de 15 milhões de unidades. É apresentado o novo Modelo A , 40.000 mil máquinas- ferramentas das Industrias Ford tiveram que ser remodeladas e substituídas, para oferecer 12 carrocerias diferentes para o uso, e recentes desenvolvimentos na fabricação, em particular o uso da solda elétrica, dos metais forjados e do e repuxo em torno, toda a madeira que existia em outros modelos foi abolida, com freios nas quatro rodas, nova alavanca de mudança padrão e um novo tipo de motor para responder rapidamente a velocidade de 60 a 70 milhas por horas, onde o chassi foi rebaixado e o projeto do corpo do carro sofreu mudanças dando uma melhor aparência, onde as variações de preços eram entre U$ 385 e U$ 570 dólares e ainda apresentava para- brisa não estraçalhado, amortecedores remodelados, e uma potencia aumentada para 40 cv, sendo este veículo consagrado como melhor relação custo- benefício da história do automóvel e um dos modelos mais antigos de maior índice de sobrevivência, onde o custo total da conversão efetuada nas fábricas da Ford foi em torno de U$ Duzentos Milhões de dólares, aos quais devem ser adicionados as perdas de fornecedores e de distribuidores devido ao período em que a produção parou ( 6 meses ) .

No Brasil esta aceitação por esse novo veículo era acirrada entre o Modelo T e o Modelo A, conhecidos como Ford bigode, fato este que tinha as duas alavancas sob o volante, uma para aceleração e a outra para adiantamento da ignição. Em 1929 acontece a quebra da bolsa de Nova York , veio a recessão que afeta profundamente todas as industrias americanas mais bravamente a Ford resistiu, com a grande depressão de 1930, em 1932 Henry Ford apresenta o seu primeiro motor V8 , em 1933 seu filho Edsel, cria o primeiro departamento de design automóvel da Ford Motor Company, onde este departamento passa a ter uma grande importância nos automóveis da Industria, em Setembro de 1939 na Europa, com a invasão da Polônia marca o início da Segunda Grande Guerra Mundial e a paralisação do negócios automobilísticos no mundo, onde muitas fábricas se interessavam a desenvolver veículos de transporta para a Guerra, Em 1941 a Ford Motor Company, interrompe a produção de veículos comerciais mais passa a produzir veículos de uso geral, ou o ( GP ) general purpose onde se originou aa palavra jeep . Em 1942 a Ford Motor Company apoiou os aliados durante a Segunda Grande Guerra fornecendo motores de aviões, caminhões militares, motores para tanques, planadores, carros anfíbios, carros blindados e os próprios jeeps De 1942 a 1945 Cessa a produção de automóveis devido a entrada dos Estados Unidos na Segunda Grande Guerra Mundial. A Ford no Brasil, neste período contava com 1500 funcionários em sua linha de montagem e como em todas as Industrias localizada em território Nacional abalou com a grande crise da guerra, onde centenas de fábricas fecharam as suas portas, a produção de automóveis entrou em recesso, com o racionamento de combustível. Em 1943 morre Edsel Ford, em 1945 Henry Ford decidiu retirar- se dos negócios, e recomendou o nome de seu neto mais velho Henry Ford II, ao Conselho de Administração, para substitui- lo .

Neste mesmo ano foi criado a divisão da Lincoln /Mercury. Com o fim da guerra em 1945, foi retomado a produção de automóveis, sendo que no Brasil ainda levou um bom tempo para superar a crise, em 07 de Abril de 1947, morre Henry Ford em Dearborn, onde desde então tornou- se uma figura legendária onde representou a revolucionária mudança com a implantação da produção em massa .

Antes de morrer Henry Ford transferiu grande parte de suas propriedades para a Henry Ford Foundation uma das mais ricas fundações filantrópicas do mundo. Pelos anos de 1950, muitas Industrias se instalavam em São Paulo, o prédio da Rua Sólon já se tornava pequeno, decidiu- se então uma nova construção de instalações maiores em um grande terreno ao lado da Estrada de ferro Santos- Jundiaí, no bairro do Ipiranga, sendo inaugurada alguns meses depois, graças ao ritmo intenso das obras. Em 1951, a Ford Motor Company apresenta pela primeira vez a sua transmissão automática de três mudanças nos automóveis Mercury, em 1953 a Ford comemora os seus 50 anos, em 1951 criou aa divisão Ford Archives documentando assim toda a história da Ford , em 1954 foi fabricado um dos mais esportivos automóveis Ford, o Thunderbird e com o sucesso torna- se um dos clássicos automóveis americanos.

No dia 17 de Janeiro de 1956, as ações da Ford Motor Company foram a venda, onde no final do dia 10,2 Milhões de dólares já tinham sido vendidos, sendo a maior captação da história, sendo vendido 22% . Neste mesmo ano a Ford coloca em prática o seu primeiro crash- test. Em 1957 a Ford lança no mercado em homenagem ao único filho de Henry Ford o Edsel, mais apesar de ser desenvolvido por vários anos a demanda oferecia por carros menores e mais leves ( sendo que este modelo saiu da linha de produção em 1960 ) onde neste ano de 1957 assumiu a presidência da Ford, Robert McNamara ocupando este cargo por apenas dois meses, pois aceitou a sua nomeação de Secretario de Defesa dos Estados Unidos pelo presidente John F. Kennedy, neste mesmo ano no Brasil, é apresentado na fábrica do Ipiranga em São Paulo, no mês de Agosto, o Ford F- 600 de motor V8 para a capacidade de 6,5 toneladas, depois de conseguir a aprovação do GEIA ( Grupo Executivo da Indústria Automobilística ) sendo o primeiro caminhão de fabricação inteiramente Nacional , conhecido popularmente como Bandeirante, nos Estados Unidos foi apresentado mais um grande sucesso em vendas, em 1964, veio o lançamento do Ford Mustang batendo recordes de vendas, no Brasil em 1965, a Ford comemora a fabricação do 10.000° caminhão brasileiro, em 1966 é apresentado no Ibirapuera em São Paulo, durante o Salão do Automóvel o Ford Galaxie 500 Nacional , com as mesmas linhas do modelo americano lançado no mesmo ano, com as mesmas condições de luxo e conforto e em condições de igualdade com os carros importados, onde oficialmente no dia 02 de abril de 1967 o Galaxie 500 vinha com um motor de 8v de 4500 cm3 e uma potência de 170 cv , com uma suspensão traseira de dois sensores laterais e uma barra transversal com molas helicoidais que mesmo nas curvas evitavam o deslocamento longitudinal e transversal do veículo, e dianteira de sistema de lubrificação prévia para 50 mil quilômetros , em 1968 veio o Ford LTD. A Ford Motor Company permaneceu nas mãos da família até 1956 quando uma sociedade fechada passou a ser administrada tendo como líder seu neto Henry Ford, mais isso já são outras muitas histórias que brevemente contaremos por aqui, é só aguardar..........

Pesquisa – Carlos Guimarães


Parceiros






Tudo o que você precisar nós temos a informação.
Salão do Automóvel 2016
Easier
@Copyright 2009 www.negociosantigos.com.br All Rights Reserved                    Designed By: Easiernet          Acessos: 195778